fbpx
Alarmes Portland

Saiba o que é proibido levar em viagens de avião

 

Viajar é muito bom: descansamos nossa cabeça de todos os problemas do dia a dia, conhecemos novas culturas e pessoas, e voltamos com ótimas recordações que carregamos para o resto da vida. Mas como nem tudo são flores, para as viagens de avião, é preciso saber o que pode e o que não pode ser levado nas bagagens. Existem regras que proíbem certos objetos ou que exigem o preenchimento de formulários especiais, caso haja a necessidade de levá-los.

Mas não se preocupe! Abaixo a gente explica direitinho o que pode ou não ser levado em uma viagem de avião, pra você ir passear sem enfrentar problemas!

 

Alimentos, bebidas e gelo

São permitidos desde que devidamente embalados (no caso de alimentos), para evitar propagação de mau cheiro ou vazamento de água. Para as bebidas, é necessário que elas estejam lacradas, nos frascos originais e dentro de embalagens plásticas. Não é permitido levar esses objetos em bagagens de mão – os aviões são equipados com alimentos e bebidas para disponibilizar aos passageiros durante o vôo.

 

Líquidos

É permitido ao passageiro carregar líquidos tais como cremes, gel, pasta e similares na bagagem de mão, respeitando o limite para voos nacionais e internacionais, que é, respectivamente: 2kg ou 2 litros em frascos de até 500g ou 500ml; e um frasco de até 100ml.

 

Eletrônicos, baterias e pilhas

Notebooks, tablets, smartphones e câmeras fotográficas podem ser carregadas na bagagem de mão, desde que se respeite o limite de peso para essa bagagem (máximo de 10kg e dimensões de até 25 x 40 x 55 – comprimento, largura e altura). As baterias e pilhas devem estar na mesma bagagem.

 

Instrumentos musicais

Instrumentos musicais pequenos podem ser transportados na bagagem de mão, desde que sejam respeitados os limites de peso e volume da mesma. No caso de instrumentos maiores, é necessário despachá-los em cases apropriados para a conservação do objeto. É possível comprar um assento extra para transportar violoncelos e berimbaus.

 

Animais de estimação

Muitas companhias aéreas disponibilizam um espaço reservado no avião para o transporte de animais de estimação. O ideal é se informar diretamente com a companhia aérea, pois os requisitos podem variar de uma para outra. No geral, é necessário que o animal tenha todas as vacinas em dia (aplicadas de 30 dias até 1 ano antes da viagem); a caixa de transporte do animal seja condizente com o seu tamanho (ela deve ter espaço suficiente para que o animal se mova durante o voo); e que o dono do bichinho faça uma adaptação com o animal nos 15 dias anteriores à viagem, carregando o animal na caixa esporadicamente.

Leia também

Desenvolvido por GOGO Digital Todos os direitos reservados® 2018